O dia de amanhã

amanha

Amanhã será outro dia.

Soa-me como maldição.

Não quero outro dia,

não quero nenhum amanhã.

Quero o ontem,

quando você estava comigo.

E, então, queria que ontem não fosse um dia,

queria que ontem fosse o único dia.

E assim, que ele fosse eterno, que fosse sempre hoje.

Para não haver um ontem de que lembrar,

nem de que amanhã será outro dia.

Apenas isso: outro dia.

Anúncios

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s